Os sintomas de gravidez e de TPM são muito parecidos você já percebeu? E algumas vezes são tão reais que confundem para valer a mulher! TPM ou gravidez? Como diferenciar uma coisa da outra?

A TPM é um acontecimento que gera sintomas bem incômodos para muitas mulheres. Ela é causada pela montanha-russa hormonal do ciclo, e pode ter sintomas tanto físicos quanto emocionais. Não há uma regra para a TPM: para algumas mulheres ela vai se apresentar apenas como uma leve dor de cabeça, enquanto que para outras pode provocar muita irritação e até depressão, além de enjoos e sensibilidade nos seios. Esses dois últimos sintomas lembram os sintomas de gravidez, não é?

É possível sim confundir TPM e gravidez, pois os sintomas são causados por um mesmo hormônio, a progesterona! E os sintomas podem começar logo após a ovulação, quando há um aumento considerável da progesterona no corpo. Assim, pode ocorrer uma elevação da temperatura, irritação e até mesmo náuseas! Aí a mulher pensa: sinto cólicas mas a menstruação não vem, o que está acontecendo? Por isso, vale a pena conhecer bem os sinais que o corpo dá. Veja abaixo os sintomas mais comuns da TPM que podem ser confundidos com a ovulação:

Sintomas da TPM e da Ovulação

O ponto é que, para muitas mulheres que querem engravidar, esses sintomas se tornam um tormento. Como saber se é sinal da ovulação, menstruação ou gravidez?

IMPORTANTE: Antes de sair comemorando a gravidez, tenha certeza que os sintomas não são de sua menstruação que está para chegar. Só comemore após fazer um teste de gravidez e dar positivo!





Diferenças da TPM Para a Gravidez?

Ponto 1 – As cólicas: Essas podem ser muito frequentes na TPM e alguns dias antes de menstruar a mulher já sente as dores abdominais. Porém, em caso de gravidez elas persistem mesmo durante o atraso menstrual. Por isso, é fácil determinar a diferença entre a cólica menstrual e a cólica de gravidez.

Ponto 2 – As náuseas: Elas tendem a reduzir assim que o período chega, ou seja, quando a mulher sangra. E embora não sejam tão comuns na TPM, podem sim acontecer e piorar quando há uma gravidez.

Ponto 3 – A progesterona: Assim como o estrogênio, este hormônio pode causar desconforto nas mamas e, principalmente, nos bicos dos seios. Com a chegada do período menstrual, os sintomas reduzem porém, podem se intensificar na gravidez, assim como as náuseas.

Ponto 4 – O sono: Esse pode ser um dos principais indícios da gravidez! Embora ele seja também um dos sintomas para a TPM, a grávida é a maior vítima do sono! Esse sintoma pode perdurar até a 12ª semana enquanto que na pré menstruação ficar até 2 ou 3 dias antes do sangramento.

Ponto 5 – Fome: Este sintoma pode ser controverso pois cada organismo reage de uma forma. Algumas mulheres podem perder totalmente o apetite, enquanto que outras tê-lo aumentado com a TPM. Mas uma coisa é fato para todas: na gravidez o apetite tende a aumentar mesmo que o enjoo insista em permanecer.

Ponto 6 – Sentimentos: Esses podem confundir muito a mulher que procura respostas entre TPM ou gravidez. No pré-menstrual, a mulher pode se sentir irritada e brava enquanto que na gravidez muito mais sensível e chorona.

Ponto 7 – Dores abdominais: As dores abdominais podem ocorrer em ambos os casos pois a cólica menstrual é muito semelhante à cólica que o corpo lúteo proporciona. Porém, o corpo lúteo provoca cólica em apenas um dos lados, bem na altura dos ovários, enquanto que na TPM a cólica é mais homogênea e afeta o baixo ventre.

O fato é que, para distinguir os sintomas de TPM dos de gravidez, deve-se conhecer muito bem o seu corpo. Em casos de ciclo inusitado, aguarde o atraso e então realize um teste de confiança. Normalmente, com 5 dias de atraso em ciclos regulares ou 20 dias após o período fértil para ciclos irregulares, já se consegue detectar o HCG no sangue ou urina da mulher. Existem testes de gravidez com maior sensibilidade ao HCG e que conseguem detectar a gravidez antes mesmo do atraso como, por exemplo, o teste de gravidez da marca Famivita que tem sensibilidade de 10 mUI.

TPM ou gravidez? Preste atenção aos sinais que o seu corpo dá!

Dúvidas das Leitoras:

Quando ocorre a TPM?

Os sintomas da TPM podem variar de mulher para mulher, assim como o momento em que eles surgem. Normalmente, os sinais incômodos da TPM ocorrem entre 5 a 11 dias antes de descer a menstruação e têm por sinais mais evidentes as alterações de humor, a irritabilidade, o desejo por alimentos doces, o inchaço abdominal, a sensibilidade nas mamas e as crises de enxaqueca.

Grávida tem TPM?

A TPM (tensão pré-menstrual) não ocorre em  mulheres grávidas, porém alguns sintomas da gravidez são bem parecidos com a da TPM como, por exemplo, o choro sem motivo, as alterações intensas de humor, a sensibilidade dos seios e até mesmo o desejo por certos alimentos. Esses sintomas ocorrem devido à grande variação hormonal que a mulher sofre tanto nos dias de TPM como durante toda a gravidez.

Quem toma anticoncepcional tem TPM?

O uso de anticoncepcional para controlar os sintomas da TPM tem crescido cada dia mais. Foram observados muitos casos e notou-se grande melhora dos incômodos após a utilização dos hormônios sintéticos. Através desta abordagem, muitas mulheres notaram melhora na irritabilidade, no inchaço e até mesmo nas dores de cabeça, mas também ocorreram casos de intensificação dos sintomas após o uso do método contraceptivo, por isso todo tratamento deve ser seguido sob prescrição de seu ginecologista.

Existe Remédio para TPM?

Além das pílulas anticoncepcionais, existem os calmantes naturais, fitoterápicos, manipulados e até mesmo implantes subcutâneos. Alguns médicos costumam indicar o uso de remédios calmantes controlados que só devem ser ingeridos na dosagem recomendada e sob orientação do profissional. Nenhum tratamento deve ser iniciado sem ter seu caso avaliado por um especialista.

TPM pode causar depressão?

Na verdade, o que pode acontecer é o contrário! Muitas vezes, mulheres sofrem de depressão mas ainda não passaram por um diagnóstico. E os altos e baixos da TPM podem ter muitos, muitos baixos. Então, algumas mulheres acabam por atribuir estes longos períodos difíceis como produto da TPM, que na verdade pode estar apenas deixando mais evidente uma depressão que já existe.

Para quem deseja aliviar os sintomas da TPM, uma dica legal é fazer uso de vitaminas que ajudam a nutrir o corpo e a ajustar alguns hormônios que possam estar “fora do lugar”. Para tanto, indicamos a FamiCiclo, que você pode conhecer melhor lá na loja da Famivita.

Veja também: Quando Ocorre a Ovulação – Ter Relações Exatamente no Dia Fértil

Foto: James Palinsad